ZOIANDO

quinta-feira, 30 de março de 2017

SAI COM UM HOMEM


Eu acho que eu sempre soube do que eu gostava, lembro-me de olhar com outros olhos para os amigos na pré adolescência, e pensava comigo mesmo “mas como assim?” Eu acho que a gente sempre sabe que é gay. Não, naquela época eu não sabia ou ainda não tinha ouvido falar falar sobre a homossexualidade. Gay pra mim era apenas uma palavra, assim como bichinha. Mal sabia eu que aquilo que eu estava fazendo com o Robson era “ser bichinha”. O tempo passou e na Serra me veio a constatação, eu sou gay, e agora oque fazer? Simples não fiz nada, nunca me atrevi a nada mesmo sabendo que alguns curtiam, seja por medo, vergonha, não sei... E se descobrirem? Hoje 19 anos depois ainda estou nessa, só que com menos medo,apenas esperando esse dia.


Mês passado (dia 22), assim como já tinha feito antes e quebrado a cara, marque novamente com um cara. Começamos a conversar no Manhunt quase a meia noite do dia anterior, virou a noite e ele me pede o whatsapp, ah, é só mais um! amanhã ele nem saberá que eu existo e logo excluirá o número, passei! (detalhe, eu já tinha conversado com ele antes no site, sobre o que? Só ele e Deus sabem!!!) Começamos a trocar mensagens das 00h38 a 02h00 e fui dormir, de manhã ele me mandou mais mensagem e depois fotos pelado (eu retribui). Curti o Renan de primeira, ele é um quarentão simpático e bom de papo (apesar de alegar ser tímido) Ele me falou que não é assumido e que a princípio não queria nada sério, o que tinha a perder? Peguei o meu boné e sai (detalhe, era pra eu tá lá antes das cinco pois ele iria trabalhar) Cheguei lá às 16h15.


Com o nervosismo passei do ponto e tive que voltar caminhando, cheguei na portaria e me anunciei (teimava a garoar e as minhas pernas estavam tremendo de nervosismo) Entrei no elevador gelado, as mãos suavam, a partir daquele momento eu tinha a certeza que um bolo eu não levaria mais, o elevador parou no décimo e último andar, me pus de pé em frente ao número 101 e toquei, naquele momento passou um filme na minha mente e veio a perguntas, o que eu estou fazendo aqui? Mas logo foi passou assim que a porta se abriu. Fiquei sem reação, ele me mandou entrar e ao perceber o meu nervosismo me ofereceu água (tomei, é claro) Me impressionei, o Renan é muito mais bonito pessoalmente que em fotos, que gato, casaria ali mesmo…(risos)


Ele me convidou a subir para o quarto de hóspedes, chegando lá me levou a varanda e depois sentamos na cama, ele ensaiou uma massagem (em vão, o nervosismo estava a mil) Foi quando ele propôs que eu saísse do quarto e ensaiamos a minha chegada novamente (e eu cai nessa) A o abrir a porta o cara tava pelado de pau duro e foi logo me abraçando (gelei, uma mistura de tesão com nervosismo tomou conta do meu corpo). Sempre tinha sonhado com aquele dia, ter um homem pelado na minha frente, ter aquilo tudo a minha disposição. Ele me abraçava e me beijava e eu só o seguia pois aquela era a minha primeira vez tão íntima de um homem, fomos pra cama. Fiz um oral nele, ele fez em mim (queria saber que foi a primeira pessoa que teve a ideia de chupar um pau, ela merece uma estátua) Fiz ele gozar chupando-o e como era de se esperar não gozei (quem me acompanha no cam4 sabe que raramente gozo) sou uma pessoa que só goza movido a muita paciência e tempo, e tempo é o que ele não tinha pois já passava das 17h00.


Descemos juntos até o ponto e ficamos de repetir a dose dias desses. No mesmo dia ele me mandou mensagens, e nos outros dois também. o que não contei é que ele iria passar o carnaval no Rio com um amigo e foi o que aconteceu (pensei, esse não verei nunca mais!) Do RJ ele continuava a me mandando mensagens só que uma ou outra perdida. Na volta a sampa passou se uma semana e ele me convidou novamente para um repeteco, eu é claro fui (dia 10-03 cheguei atrasado novamente, só que passamos mais tempo juntos) É muito bom estar com ele, me sinto uma outra pessoa, mas venho notando um certo distanciamento de sua parte, sou sempre eu que tomo a atitude de mandar mensagens, sempre parte de mim e isso me chateia muito (eu não estou pedindo nada, só demonstre interesse também) parece até que eu estou forçando, eu sei que não é nada sério, também sei que és ocupado mas porra!


No último dia 24 fui lhe fazer uma visita, foi bom e tudo, mas não foi como antes, ele tá distante, ele tá esquisito mas tudo bem, fiquei lhe devendo uma nova visita, e quem sabe passar uma noite, mas também não vou mandar mensagem, vou lhe esperar, mas acho difícil pois os seus únicos dias disponíveis são as quartas e sextas (no fim de semana ele some, o que faz? não tenho ideia, nem mensagens ele responde) Então é isso, futuramente falarei sobre os outros dois caras com quem também sai. Até a próxima.


Eu sou o pedro que não é Pedro, e esse foi mais um “OGM
Toda semana pela manhã, ou assim que possível
E nunca se esqueça, a gente se vê por aqui

4 comentários:

  1. Cara, eu manteria as coisas exatamente do jeito que tão. Aliás, é DESSE tipo de relacionamento mesmo que eu tô atrás na fase atual da minha vida. Sexo e amizade. Nada de compromisso.
    Pra mim não importaria quem liga pro outro, quem não liga... Se eu vou na casa do cara, a gente brinca, se diverte e nenhum dos 2 enche o saco do outro com cobranças romanticóides, pra mim isso seria o paraíso!rs

    ResponderExcluir
  2. Este tipo de relação -sexo e amizade sem compromisso- existe e é legal de se curtir. Foi bom para vc perder um pouco desta trava q existe em vc. Sua dificuldade para gozar está ligada diretamente a esta questão. Outros tipos de relacionamento envolvendo paixão e afeto surgirão e basta vc estar atento e aberto a oportunidades.
    No mais é te desejar continue assim, rompendo suas barreiras e buscando viver plena e abundantemente.

    Beijão Pedro que não é Pedro.

    ResponderExcluir
  3. Porra! Como assim o cara goza em um oral???? Francamente, tem que segurar o tesão né, pois precocemente detona o lance, pois ele deveria ir para o ato sexual...
    Enfim, vou me privar de opiniões rs....

    Mas, na boa, há uma infinidade de caras que além de uma boa aparência, faz o lance bem feito.
    Não se iluda com o primeiro...

    Referente a ir atrás e partir por mensagens e ligações, meu boyfriend que comentou estes dias que as atitudes dele valeram a pena, ou seja, isto que fez a diferença e me fez apegar nele.
    O que quero dizer com isto? Se tu acha que vale a pena, não custa nada tentar, o resto é consequências...

    Boa sorte!

    ResponderExcluir
  4. parabens pedro pela sua primeira vez! o seu relato foi muito bem construido, deu para perceber suas emoções, medo ansiedade, e posso te dizer, todo mundo passou por isso, mas a sua primeria vez foi so sua guarde na memoria com carinho! abs

    ResponderExcluir

DEZ HOMENS

< POSTAGEM ANTERIOR - PRÓXIMA POSTAGEM > Nessa minha curta passagem pelo mundo adulto (entende-se vida sexual ativa) Só cheguei ...